Tamanho da Letra

Banco de leite

O leite materno em excesso pode e deve ser doado

A mãe que estiver dando exclusivamente o peito, sem complementar com água ou mamadeira, pode produzir mais leite do que o bebê precisa, principalmente nas primeiras semanas. Este excesso deve ser retirado para que a mama não ingurgite, ou seja, fique empedrada, e não dificulte a pega do bebê.

Ao invés de jogar fora este alimento tão rico, é possível doá-lo para outras crianças, cujas mães têm dificuldades de produção.

Para isto, existe o Banco de Leite Humano que, em Londrina, funciona no Hospital Universitário e conta com a parceria da Unimed, desde 2003.

O convite para que as mães clientes da Cooperativa se tornem uma doadora do leite excedente acontece ainda na maternidade e é feita pela equipe de assistentes sociais da Unimed.

A campanha ainda envolve os colaboradores e os demais clientes da Cooperativa, que também são estimulados a doarem frascos para o armazenamento do leite doado. O leite pode ser guardado em geladeira por 20 horas ou no freezer por 15 dias. Os frascos usados no armazenamento devem ser limpos e previamente fervidos.

Como apoio, a Unimed desenvolveu ainda um folder, distribuído em hospitais da rede pública e região para mães da comunidade em geral, sobre a importância da amamentação e da doação, com orientações sobre a retirada do leite.

Além disso, a Unimed doou dois aparelhos extremamente importantes para o funcionamento do Banco de Leite: o Agitador/Homogeinizador para tubos tipo 'Vortex' – necessário para a realização do controle físico-químico e que dosa o percentual de gordura e de kilocalorias de cada frasco de leite humano pasteurizado – e o 'Acidímetro de Dornic', equipamento imprescindível na análise da acidez e no controle higiênico-sanitário do leite humano.

Para se tornar doadora, basta ligar para o número (43)3371-2390 e um profissional vai até a sua casa para fornecer os frascos e orientar como fazer a retirada e o armazenamento de forma correta. Já a doação dos frascos deve ser feita na sede da Unimed ou no próprio Banco de Leite do HU.

Mas antes de fazer a doação, a mãe deve se certificar que não possui doenças infectocontagiosas e não estar usando medicamentos controlados.

Participe!